Imprimir Compartilhar Enviar por e-mail

Homem envolvido em homicídio é preso na Zona Sul

Homem envolvido em homicídio é preso na Zona Sul

 Policiais Civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) cumpriram na manhã desta sexta-feira (2), por volta das 9h, mandado de prisão preventiva por homicídio qualificado em nome de Jackson Araújo de Souza, 37, conhecido como ‘Jaca’.  o homem estava sendo investigado por envolvimento no homicídio de Jeones Mário Araújo Rodrigues, 39, ocorrido no último dia 29 de março,  no bairro Morro da Liberdade, Zona Sul da capital. De acordo com as investigações, o homem e o sobrinho dele, Franksuel de Souza Oliveira, 18, o ‘Chico Doido’, que está sendo procurado pela polícia, mataram Jeones com golpes de faca em frente à residência da vítima.

“A prisão preventiva de Jackson foi representada ao juiz do Plantão Criminal e deferida no dia 29 de abril deste ano. Iniciamos as diligências e em função disso ele se apresentou aqui na delegacia na manhã de hoje. Em depoimento, ele assumiu o crime e afirmou que havia sido ameaçado anteriormente por Jeones assim que o mesmo saiu da cadeia pública”, declarou o delegado Paulo Martins, titular da DEHS.

Na ocasião, a Delegada Geórgia Cavalcanti, Adjunta da DEHS e coordenadora das investigações, destacou que foi um crime passional. Segundo ela, a ex-companheira de Jackson o deixou para ficar com Jeones dias antes do delito e ele não aceitava o fim do relacionamento. “No dia do fato, por volta das 10h, Jackson procurou a ex. Ela colocou um ponto final no relacionamento que mantinha com ele e assumiu o romance com Jeones. A partir daí Jackson passou a perseguir a vítima. O infrator contou com o apoio do sobrinho dele, Franksuel, para localizar a vítima. Por volta das 22h eles avistaram Jeones em frente à residência dele. De acordo com testemunhas, Jackson segurou a vítima enquanto Franksuel desferiu as facadas”, explicou Geórgia.

A autoridade policial ressaltou ainda que Franksuel cometeu um homicídio no dia 25 de dezembro de 2013, quando ainda era considerado adolescente. “Franksuel matou com um tiro Iven Greike Santiago Naranjo, 40, o “Arigó”. O crime ocorreu também no bairro Morro da Liberdade, possivelmente por disputa de ponto de comercialização de drogas no local. Agora ele é considerado foragido da Justiça pelo homicídio de Jeones. Embora Franksuel seja jovem, é uma pessoa de alta periculosidade”, disse. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, Jackson será conduzido à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde irá aguardar decisão da Justiça.

Franksuel de Souza Oliveira, o “Chico Doido”, continua foragido. A Polícia Civil, por meio da DEHS, solicita a colaboração da população para chegar até ele. Qualquer informação que possa levar ao paradeiro dele, entrar em contato pelo número da DEHS: (92) 3681-5791, ou pelo disque-denúncia da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), 181.

fonte: Em Tempo 

Comentários »


Enviar comentário




Lida 753 vezes