Imprimir Compartilhar Enviar por e-mail

Mulheres vítimas de violência terão espaço especial de atendimento no IML do Amazonas

Mulheres vítimas de violência terão espaço especial de atendimento no IML do Amazonas

 Uma nova sala foi inaugurada na manhã desta quarta-feira (1º) no Instituto Médico Legal (IML). Denominado de ‘sala rosa’, o espaço é destinado ao atendimento de mulheres vítimas de violência doméstica e sexual. O ambiente, acolhedor e humanizado, conta com uma equipe exclusiva de profissionais para o atendimento. A ação faz parte do projeto Ronda Maria da Penha, lançado na última terça-feira.


Com a Sala Rosa e o Ronda Maria da Penha, o Governo do Estado amplia a rede de assistência às mulheres vítimas de violência, com ações integradas que envolvem as Polícias Militar e Civil e as Secretarias de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), de Estado de Políticas para as Mulheres (SPM), de Estado de Assistência Social (SEAS), de Estado de Justiça e Direitos Humanos (SEJUS), além do Fundo de Promoção Social do Estado (FPE) e Departamento de Policia Técnica e Cientifica (DPTC).


Para o delegado-geral da Polícia Civil, Josué Rocha, a Sala Rosa representa um avanço no atendimento humanizado às mulheres vítimas de violência. ‘Vai ser um trabalho direcionado, proporcionando a essas mulheres um ambiente propício a elas. Essa integração dos órgãos de segurança é um avanço para o atendimento humanizado às nossas mulheres’, destacou Rocha.


A Sala Rosa, que ganhou ambientação acolhedora, continuará oferecendo apoio de assistentes sociais e psicólogos no trabalho de atendimento das vítimas encaminhadas ao IML para exame de corpo de delito.


O Diretor do Departamento de Policia Técnica e Cientifica (DPTC) Jefferson Mendes, destacou a importância do atendimento especial. ‘A função precípua do Instituto Médico Legal é garantir a lisura das provas relativas a casos que envolvem diretamente a pessoa, ou seja, casos que envolvem a integridade física. No caso especifico da segurança das mulheres, evitar o constrangimento e garantir liberdade de expressão no IML é algo que defendemos e agora felizmente temos inaugurado o espaço exclusivo para atendimento a mulheres, o que para nós representa um grande avanço no combate a violência contra mulheres’. Concluiu Mendes.

 

Administração – Por um Sinpol Forte

Presidente – Moacir Maia de Freitas

Secretário Geral – Renato Bessa

Assessoria de Imprensa :

Almir Cardoso e Silvio Caldas

 

Comentários »


Enviar comentário




Lida 821 vezes