Imprimir Compartilhar Enviar por e-mail

Redução de carga horária. Diretoria pede providências

Redução de carga horária. Diretoria pede providências

O constante atraso no pagamento dos valores referentes ao ticket de alimentação tem sido um constante transtorno para os trabalhadores da Polícia Civil, estes que quase diariamente tem que dispor de recursos próprios para garantir sua permanência em serviço e que de forma direta, causa prejuízos, uma vez que desequilibra o planejamento orçamentário da categoria e também a redução no numero de veículos e o elevado déficit de pessoal,o que torna insustentável a manutenção dos serviços em escala regular, vem aumentando o numero de insatisfação e reclamações entre a categoria.



Diante dos fatos recorrentes e depois de varias tentativas de resolução dos problemas sem solução satisfatória, a diretoria do SINPOL-AM, por meio de seu Presidente Moacir Maia e seu Vice-Presidente Odirlei Araújo esteve na manhã de hoje (22/02) na Delegacia Geral para ingressar com documento oficial solicitando reunião com o Delgado Geral a fim de dar o mais breve possível a resposta que a categoria tem pedido.



O Vice-Presidente Odirlei Araújo Avaliou a situação. “Essa situação do ticket se arrasta por anos e sempre ficamos nas soluções paliativas; não é isso o que queremos. Queremos que a Lei que determina o reajuste, assim como a regularização nos repasses seja imediatamente cumprida, não dá para ver nossa categoria pagando para trabalhar. Outra questão é o déficit de pessoal que a cada dia aumenta, seja por aposentadoria ou morte de colegas, isso aumenta a carga de trabalho e responsabilidade e diminui a qualidade do serviço e de nossas vidas. A questão da redução quase diária no numero de veículos é outro transtorno que queremos sanar junto a Delegacia Geral, é para isso que estamos solicitando a reunião com o Delegado Geral”. Asseverou Araújo.



O Problema está há muito posto, porem, isso tem sido cobrado constantemente pela diretoria do SINPOL-AM que está agindo para que possa haver redução na carga horária dos expedientes e plantões até que a situação seja regularizada em todos os pontos.

 

Comentários »


Enviar comentário




Lida 3302 vezes